sábado, 21 de novembro de 2015

SELETA DO PRIMEIRO ENCONTRO SERGIPANO DE ESCRITORES, Antônio FJ Saracura e outros

SELETA DO PRIMEIRO ENCONTRO SERGIPANO DE ESCRITORES, Antônio FJ Saracura e outros,  Infographics, 2013,  186p, isbn 878-85-67215-00-6



Quando for ler o livro “Seleta do Primeiro Encontro Sergipano de Escritores”,  sugiro começar por  um dos textos: a crônica chamada “A Justiça Tem Endereço”, escrita pelo imortal da Academia de Letras de Tobias Barreto,  Antônio Virman, na página 182, ou o poema  “Eterna Esperança”, da poetisa Martha Hora, na página  146. O primeiro é dedicado a Tobias, que deve ter se mexido no túmulo gratificado.  O segundo, a poesia, tem a trama de um romance e a alma de um musical. Poesia serve mesmo a revelar  misteriosos mundos e  Martha  Hora faz isso com maestria.

Mas há outros excelentes textos no livro, não vou dar conta de citar aqui. O espaço que tenho é limitado e nem esticando daria.  Os cinquenta (quase isso) autores sintam-se citados (como escuto falarem alguns palestrantes nas preliminares do discurso), um a um, nas pessoas de Virman e Martha. Eu também estou na Seleta, tentando arrumar um patrocínio para publicar o meu primeiro livro, o que não consigo. Pense que dificuldade! Não pule, viu!

Esta “Seleta “ foi um projeto da  Editora Infograhics  (tenho feito resenhas de livros publicados apenas por esse selo;  e não consigo me desgrudar)  e conta com a magia de Domingos Pascoal de Melo, o grande ativista cultural dessa província acanhada, fez (e faz) acontecer. Que frase carregada! Não cabe mais nada nela. Mas em Pascoal sempre cabe uma nova missão, que dá conta, nem sei como.

Cada autor colaborou, voluntariamente, com um artigo, a seu gosto e critério.  Foram impressos mil exemplares e  doados  à duas instituições de caridade: o Lar Cidade de Deus, de Itabaiana,  e o GACC – Grupo de Apoio à Criança com Câncer, de Aracaju. O lançamento aconteceu na II Bienal do Livro, em Itabaiana, em 2013.  Um lançamento, dos mais de cem acontecidos no evento, que precisa ser imitado por outras cidades.

O leitor, que se interessar pelo livro, pode comprá-lo  diretamente ao Gacc  ou ao Lar Cidade de Deus.
E aproveite para conhecer o trabalho dessas nobres instituições. Vale a pena  esforço para obter o livro e será bem recebida uma ajuda à carente caixa das duas instituições beneficentes.

Nota final (muito importante)

A Infographics está dando um incentivo aos escritores sergipanos: Quem publicar um livro lá (desde a II Bienal do Livro de Itabaiana até o III Encontro Sergipano de Escritores em outubro/2014) concorrerá ao prêmio espetacular:  a impressão, à custo zero, de um novo livro, no mesmo tamanho e com a mesma quantidade de exemplares.

Percebeu alcance?

(publicada na revista Perfil ano 17 número 3)

Nenhum comentário:

Postar um comentário